A história do Menino Jesus de Praga

A mão direita levantada com dois dedos erguidos remete ao ato de abençoar e simboliza a verdade de seu amor e a eficácia de seus favores. Na esquerda o Menino sustenta um globo, significando Sua soberania sobre o universo. As roupas requintadas e a coroa demonstram Sua condição de rei.

A famosa imagem do Menino Jesus de Praga é venerada na Igreja de Nossa Senhora De La Vitória, em Praga, capital da República Tcheca. Contam que foi esculpida no século XVI na Espanha, quando foi adquirida por uma família de nobres, onde permaneceu por muitas gerações, até chegar, como presente de núpcias, às mãos de Doña Isabela Manrique de Lara, por ocasião de sua união com o nobre tcheco Vojtech de Pernstejn, e a seguir para Polyxena, filha do casal, que a conservou até sua morte, quando a estátua foi doada à ordem dos Carmelitas Descalços de Praga. Os Carmelitas colocaram a imagem no oratório de seu mosteiro, mas com a eclosão de Guerra dos Trinta Anos, em 1631, o local foi saqueado e a imagem do Menino Jesus ficou esquecida numa pilha de entulhos até 1637, quando foi encontrada por um padre chamado Cirilo, com os braços quebrados e sem as mãos. Acredita-se que o Menino Jesus de Praga tenha trazido prosperidade ao mosteiro ao longo dos anos e sua bênção afastou os inimigos que dominavam a Boêmia.

Um dia, rezando em frente à imagem, o padre Cirilo ouviu as palavras “Tende piedade de mim e eu terei piedade de vós. Devolvei minhas mãos e eu vos devolverei a paz. Quanto mais me honrardes, tanto mais vos abençoarei”. O mosteiro, sem recursos, ainda se recuperava da guerra quando um fiel entrou na igreja e se compadeceu da situação do Menino Jesus de Praga, e ofereceu-se para restaurá-la.

Os milagres realizados começaram a se tornar frequentes, rendendo ao Menino Jesus de Praga milhares de devotos. Em 1655, o conde Martinitz, grão marquês da Boêmia, brindou a imagem com uma coroa de ouro cravejada de pérolas e diamantes, colocada na cabeça do Menino em uma cerimônia de coroação, que é até hoje comemorada.

Por conta dos diversos milagres protagonizados pela estátua, seu culto se espalhou pelo mundo. No Brasil, a devoção ao Menino Jesus de Praga foi trazida pela ordem dos Carmelitas e é direcionada a Jesus, considerado por seus seguidores um REI desde a sua infância pelos seus seguidores.

Imagem Coração
TOPO